Eish…. Q fdp de blog Porque as ideias são para partilhar

August 8, 2011

Disaster Recovery – Home Edition

Filed under: How-To's — admin @ 1:19 pm

Bom dia a Todos,

Ainda a algum tempo atrás li numa publicidade de loja uma frase que publicitava um NAS: Os seus dados são importantes. São os seus documentos, as suas fotografias, a sua vida.

Nesse momento, pensei para comigo… como conseguiria explicar a minha mulher, que as fotos do meu filho de 3 anos se tinham perdido? Como explicava que as fotos da lua de mel se tinham derretido no canto de uma drive avariada?

Sim… porque mesmo gravando em DVD, o tempo de replica é limitado (+- 700 dias por media), alem que os DVDS riscam-se, apanham calor e empenam de vez… etc….

A somar a isso, e com os assaltos a residências como garantir que as minhas fotos e os meus dados se escapam?

Após muito pensar, um cafe, e uma ida ao WC fez-se luz…. Disaster Recovery for the Poor!

Em primeiro lugar, escolhi um repositório de download link’s, neste caso o filesonic com uma capacidade de armazenamento de 5GB por file, sem limite de transferência por payed user, e muito importante, sem limite de repositório de upload.

No meu caso, como já tenho uma infra-estrutura de bacula utilizei o mesmo para a gestão do disaster recovery. Quem não tiver bacula, ou afins utilize um rar com forte encriptação.

Para quem tiver bacula, recomendo a leitura do seguinte link de forma a garantirem segurança dos vossos dados de uma forma encriptada.

Criem pool’s e jobs para os vossos dados encriptados, com retenção de pelo menos 700 dias (+- 2anos) e no fim de cada Job com dados que irão enviar para o vosso site remoto exportem o vosso catalogo.

Recomendo igualmente, e dependendo da vossa banda de upload que criem vTapes no bacula com apenas 200 MB no máximo. A mesma coisa se aplica a ficheiros rar.

Mais tarde e caso o pior aconteça vão agradecer terem feito este pequeno esforço. O bscan não funciona tao bem como isso quando teem muitos ficheiros por volume como é por exemplo o caso de diretórios com fotografia.

Em seguida, e como uso linux, preferi utilizar um upload manager que suportasse o filesonic, fosse opensourced, corresse de consola em screen e achei o Plowshare. No fim deste post deixarei um script de upload que valida se o upload correu bem ou não.

Assim, após fazerem os vossos backups enviem as vossas vTapes para a Cloud, juntamente com um rar que contenha a vossa chave de encriptação, backup ao SQL do catalogo e ficheiros de config de um bacula. É muito importante que não se esqueçam deste passo.

Finalmente, efetuem um teste de restore. Apaguem as vossas vTapes, descarreguem do site, reponham o catalogo e exprimentem.

Caso tenham alguma duvida, ou quiserem ajuda com isto, enviem-me e-mail para nuno em filhodaputa.net

Abraço,

Xupetas

Recursos:

Script para fazer upload’s:

http://geek.filhodaputa.net/conteudos/offsite_backup_via_ploware.sh.txt

http://geek.filhodaputa.net/conteudos/jailed_offsite_backup_via_ploware_v2.sh.txt

Script para fazer validações com o Nagios:

http://geek.filhodaputa.net/conteudos/crontab_check.sh.txt

http://geek.filhodaputa.net/conteudos/nagios_upload_check.sh.txt

 

Agradecimentos:

Não podia deixar de agradecer ao Itchy Trigger Finger Nigger que me emprestou a conta dele no filesonic para testes. Obrigado!

PS1: Fiz hoje testes de restore dos ficheiros deixados no filesonic e encontrei dois que embora tivessem o tamanho correcto o MD5sum estava com problemas.

Tentei um restore e correu MESMO MAL. Da vTape com problemas para a frente, o bacula deixou de conseguir recuperar dados.

Apaguei as vTapes com problemas do filesonic, re-efectuei o upload da mesmas e já tudo funcionou bem, por isso não se esqueçam de testar as tapes que enviaram, testem com md5sum, testem com um restore para outro diretório mas para o vosso próprio bem TESTEM!

 

Abr,

Xupetas

 

 

No Comments

No comments yet.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URL

Sorry, the comment form is closed at this time.

Powered by WordPress